18 de abril de 2014

Rosé da Provence La Matelote 2012

Feriado no sítio dos meus pais, noite agradável, dessas que trazem um brisa fresca após um dia de sol. A noite foi embalada por música de jukebox e partidas de sinuca. Para comer, começamos com antepastos de berinjela e queijo camembert, aos quais veio se juntar uma torta de ricota, presunto e alho-poró recém saída do forno. Estava formado o ambiente perfeito para abrir um vinho leve e refrescante, como a noite. O escolhido veio da Provence, e se chama La Matelote 2012.


Eu o havia provado em uma degustação promovida pela Excelência Vinhos e a importadora Vínica. Como de costume com a Vínica, o vinho é ótimo, e o preço é muito competitivo. É difícil achar vinhos da Provence por menos de R$80, e esse custa apenas R$49, na loja da Excelência Vinhos.


O produtor se chama Domaine Dupuy de Lôme, e se localiza dentro da área demarcada de Bandol, e portanto, também produz vinhos da DOC Bandol (este vinho não é DOC, é IGP Mont Caume). Na ocasião da degustação, perguntei à Paula, proprietária da importadora, porque ela havia optado por trazer apenas o vinho IGP. Ela me confidenciou que não apenas os vinhos de Bandol custariam o dobro (só por estampar o nome), como o IGP é também mais saboroso, mais agradável. E este ano, junto da safra 2013, pretende trazer o tinto, também o IGP. Bom, barato, e segundo ela, melhor à mesa.

O rosé tem a cor 'casca de cebola', elegante como um bom Provence. Exala aromas cítricos de laranja e tangerina, além de um final com morangos bem demarcados. É fresco, leve, seco, e acompanhou muito bem os antepastos de berinjela, o queijo e a torta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sintam-se livres para comentar, criticar, ou fazer perguntas. É possível comentar anonimamente, com perfil do Google, ou com qualquer uma das formas disponíveis abaixo. Caso prefiram, podem enviar uma mensagem privada para sobrevinhoseafins@gmail.com.