28 de junho de 2017

Château de Panisseau Baccarat 2007

No mês passado, recebi uma mensagem de um leitor bastante decepcionado com a qualidade de vinhos muito baratos adquiridos na Evino. Realmente, o site oferece uma grande quantidade de vinhos a preços muito baixos, mas que na maioria, parecem ser simplesmente compatíveis com os preços, isto é, de qualidade muito baixa. Mas algumas ofertas parecem realmente boas demais para serem verdade, como por exemplo, o Château de Panisseau Baccarat 2007: um vinho francês com 10 anos de guarda, por menos de R$40.

24 de junho de 2017

RE Chardonnoir 2013

A produção vinícola do Chile é sem dúvida uma das mais vibrantes do mundo na atualidade; na última década o país vem brindando a nós consumidores com uma grande quantidade de iniciativas interessantes e criativas.

Uma delas são as Bodegas RE, o novo projeto da família Morandé. Pablo Morandé, o pai, foi o responsável por incluir o Vale de Casablanca no mapa vinícola chileno. Enquanto, trabalhava como enólogo para a Concha y Toro, recomendou à empresa o investimento em Casablanca. Como eles não tiveram interesse, Morandé decidiu ele mesmo investir, fundando a vinícola com seu nome, em 1996.

22 de junho de 2017

Apollonio Diciotto Fanali Salento Rosato

O que esperar de um vinho rosé com 6 anos de idade? Certamente, é uma experiência inusitada. Até porque, raramente algum produtor se dispõe a fazer um rosé que possa ser guardado por tanto tempo. Mas a Casa Vinicola Apollonio - empresa familiar centenária (de 1870), localizada em Salento, no calcanhar da "Bota" - foi contra a maré, e fez.

16 de junho de 2017

A aparente dualidade do ar com o vinho

Certos vinhos, quando os abrimos, usamos decanteres e aeradores para acelerar o contato com o ar, e melhorar sua qualidade; por outro lado, quando não consumimos toda a garrafa, utilizamos bombas a vácuo, ou outras ferramentas, para impedir o máximo possível o contato do vinho com o ar, para que não estrague. É normal que algumas pessoas achem uma incoerência entre as duas ações. Afinal, como pode o mesmo ar melhorar e estragar o vinho?