7 de outubro de 2014

Vinhos laranjas: De Martino Muscat Viejas Tinajas 2013

Este vinho foi degustado no evento Vinhos Laranjas da ABS Campinas (clique aqui para conhecer mais sobre o que são os vinhos laranjas).


Ele foi elaborado pelo enólogo Marcelo Retamal, da vinícola De Martino, a partir de uvas do tipo Moscatel de Alexandria, provenientes de vinhas velhas (mais de 80 anos) cultivadas organicamente, na zona de Trehuaco, no vale do Itata. Nesta região, ainda se conservam os métodos de manejo sustentáveis, como colheitas manuais e aragem da terra com uso de cavalos.

As uvas passaram por 15 dias de maceração carbônica, mais 6 meses de maceração em ânforas centenárias de argila, onde ocorreu a fermentação, sem controle de temperatura. Em seguida, as cascas foram separadas do vinho, e ele permaneceu mais 6 meses nas ânforas, decantando. E por fim, o vinho foi engarrafado sem filtração.

No evento da ABS, o vinho foi decantado por 1,5 hora, e por isso não apresentou turbidez, nem depósitos. Ele tinha uma cor amarelo-acobreada bem clara, límpida. No nariz, apresentou a tipicidade da Moscatel, muito floral (flor de laranjeira), mas também lembrando mamão. Na boca, era seco, leve, com acidez média, leve adstringência, final amargo e levemente salobro. Mas o mais curioso era o aroma de boca, lembrando fortemente bacon (mais especificamente aroma de baconzitos) e mamão. Este vinho ganhou muitos prêmios, e foi eleito este ano o melhor vinho branco do Chile pelo Guia Descorchados. Sinceramente, eu não creio que tenha ganhado essas premiações apresentando este aroma estranho e este amargor. Suspeito, neste evento, que tenha sido decantado por tempo demais, mais do que seria apropriado.

Voltar para os vinhos laranjas

Um comentário:

  1. Provei esse vinho na própria vinícola , e já abri uma das garrafas que trouxe, realmente achei o vinho sensacional, maravilhoso , tanto no nariz, quanto na boca.

    Henrique

    Xiquento@hotmail.com

    ResponderExcluir

Sintam-se livres para comentar, criticar, ou fazer perguntas. É possível comentar anonimamente, com perfil do Google, ou com qualquer uma das formas disponíveis abaixo. Caso prefiram, podem enviar uma mensagem privada para sobrevinhoseafins@gmail.com.